Curso de Educação Pela Música – Módulo Gramatical

 

Curso de Educação pela Música – Módulo Gramatical: a Percepção

Professor: Lincoln Haas Hein

Para quem o curso é aplicável ?

Este curso é dirigido a todos que buscam DESENVOLVIMENTO e INTEGRAÇÃO DE PERSONALIDADE, incluindo, músicos, pessoas com gosto pela arte.

O que é Gramática – Percepção dentro da música?

Para dizer o que é gramática musical, é necessário compreender o que é gramática e o que é música e, também, como relacionar estas duas noções.

A gramática em sentido clássico era uma das artes liberais. As artes liberais são um conjunto de disciplinas que não têm um fim utilitário mas, ao contrário, têm por finalidade um  enriquecimento do próprio ser humano em suas capacidades e potências. Dentro delas há dois conjuntos: o Trivium (Gramática, Lógica, Retórica) e o Quadrivium (Aritmética, Música, Geometria, Astronomia).  Nenhuma delas deve ser compreendida no sentido atual e moderno dos termos; enquanto artes liberais elas se inserem numa proposta pedagógica que floresceu sobretudo durante a Idade Média, mas, com raízes na filosofia greco-romana e adequada também à educação autêntica do homem contemporâneo (graças à busca desta proposta por uma fidelidade à realidade, ao ser e a seus transcendentais: a beleza, a verdade e o bem).

A gramática dentro da proposta do Trivium não é apenas uma disciplina sobre as normas gramaticais para a comunicação dentro de um idioma. Ela está relacionada com a própria epifania da realidade, com a manifestação do ser nos fatos e apreendida pelo ser humano numa dimensão estética. Essa dimensão estética envolve tanto a sensibilidade e apreensão das coisas através dos sentidos quanto a apreensão da beleza. Estudar a gramática é aperfeiçoar a “inteligência senciente” (para usar a expressão do filósofo espanhol Zubiri) que apreende a realidade na sensibilidade.  E isso mediante um aperfeiçoamento da capacidade discriminatória e combinatória dos sentidos externos (visão, audição, paladar, olfato, tato são os principais) e internos (senso comum, imaginação, fantasia e estimativa), assim como uma ordenação do apetite concupiscível (potência que deseja aquilo que é sensível como um bem).

A ordenação dos sons em sua capacidade de despertar sentimentos estéticos e apresentar-se como beleza foi ampliada pela música contemporânea até a valorização de qualquer possibilidade de ordenação e assim o termo música tem sido aplicado por muitos músicos não só para a arte humana de ordenar sons como também aos sons da natureza e do cotidiano quando percebidos numa ordem que causa sentimento estético. Essa possibilidade trazida à tona pela arte moderna pode ser frutuosamente conciliada com a concepção teórica dos antigos e medievais (relacionada às músicas humana,  mundana, cósmica e divina) numa prática que aguça os ouvidos para a percepção inteligente da realidade. As experiências da música contemporânea estudando o fenômeno sonoro de modo mais aprofundado juntamente com a concepção antiga da harmonia e um treino na arte prática musical podem propiciar um estudo unificado que integre a música enquanto arte mecânica (a arte de produzir os sons de modo ordenado e belo) e enquanto arte liberal (despertar da inteligência para a beleza espiritual a partir da harmonia numérica que é perceptível na música). Uma proposta de gramática musical seria esse aguçamento da percepção proveitoso para qualquer ser humano, mesmo que não se torne um músico, através tanto de uma visão teórica quanto principalmente vivencial.

Metodologia do curso

O Curso visa dar estimular a educação pela música, que está tão presente em nosso cotidiano e é parte essencial de nossas vidas.

  • O curso contará com 11 Aulas, que serão assistidas, por meio da internet, na plataforma de Ensino à Distância (EAD) da Casa da Crítica, sendo o acesso restrito aos alunos inscritos no curso.
  • A primeira aula será GRATUITA e transmitida AO VIVO, em tempo real e ONLINE, pela internet. 
  • O EAD também conterá materiais para leitura, feitura de exercícios e participação em fórum de discussão.

Sobre o professor

Lincoln Haas Hein é pós-graduando em Arteterapia e professor particular de canto há dez anos. Sua especialidade musical é o canto gregoriano e a música litúrgica e na arteterapia desenvolve pesquisa sobre os efeitos da música gregoriana na alma. O professor tem proficiência nas artes visuais e no design gráfico em razão dos cursos de graduação em Artes gráficas pela UTFPR e pela formação pedagógica em educação artística pelo Claretiano, com ênfase em ilustração, pintura em aquarela, história da arte e análise semiótica de imagens. Em virtude do estudo do gregoriano e por interesse pessoal, Lincoln estudou muito, por conta própria, o misticismo católico e os aspectos filosóficos, teológicos e psicológicos a ele relacionados. Cantor há 19 anos na paróquia Santuário Sagrado Coração de Jesus. Estuda o repertório gregoriano desde 2007. Foi regente auxiliar do coro gregoriano da Igreja da Ordem em Curitiba sob orientação da maestrina Maria Madalena Wagner e participou por um ano do coro gregoriano Cantus Libere sob orientação de Paulo Valente.

Tem conhecimentos de semiologia e paleografia musical gregoriana e participa de um núcleo de estudos informal de gregoriano coordenado por Maria Madalena Wagner. Trabalha com composição e arranjo de melodias gregorianas para a língua portuguesa. Frequentou a banda musical na infância por cinco anos tocando clarinete sob orientação de Fabrício Dalla Vechia, participou do coral da UTFPR por cinco anos sob orientação do maestro Silas Viana e da maestrina Renee Rebelo. Fez aulas particulares de piano e canto lírico sob orientação de Carlos Alessandro Branco, aulas particulares de flauta doce sob orientação de Maurício Welupek. Participou duas vezes da oficina de música de Curitiba no curso de regência coral e no grande coro sob orientação de Mara Campos e Lúcia Passos. Participou uma vez no curso de regência de coro infanto-juvenil sob orientação de Ana Yara Campos. Atualmente estuda piano com Daniel Cardoso Junior.

Programação 

A 1a. aula GRATUITA ocorreu no dia 17/04/19, quarta-Feira, às 20:00h.

Se você não conseguiu assistir ou quer rever, clique no botão abaixo e assista ao REPLAY da 1a. aula GRATUITA do curso.

Não perca!!

 

Reveja a Entrevista feita com o professor Lincoln Haas Hein sobre o curso:

 

INSCRIÇÕES ABERTAS

Até dia 18/04/19:  R$ 400,00  (VALOR PROMOCIONAL)

Até dia 01/05/19: R$ 440,00 

>>>>>>BRINDE EXCLUSIVO !!! <<<<<<<

Quem se inscrever para o Curso de Educação pela Música – Módulo Gramatical,

GANHARÁ GRATUITAMENTE o Mini Curso de História da Música Erudita Ocidental,

cujo valor é de R$ 120,00.

 

Estrutura do curso

Este Módulo Gramatical: a Percepção é o 1o. módulo do Curso completo de Educação pela Música, que será composto também pelos módulos:

Módulo Lógica: o Sentido

Módulo Ret´órica: a Vontade

 


Todos direitos são reservados e protegidos para Casa da Crítica, sendo permitida a reprodução dos conteúdos desde que seja citada a autoria e mantida a integralidade dos textos.

2 respostas a “Curso de Educação Pela Música – Módulo Gramatical”

  1. Prof Lincoln, quanta beleza em suas palavras! O seu curso deve ser maravilhoso, pleno de conhecimento que não encontramos em qualquer lugar. Você nos transmite muito amor pela música, e sua formação erudita não dificulta a sua comunicação que flui de maneira simples e direta, nos enchendo de sabedoria e interesse pela arte como um todo!
    Parabéns, mestre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *